LEVI.COM.BR - PAG.PRINCIPAL
CLIQUE AQUI PARA SE ASSOCIAR!
CLIQUE
AQUI
PARA SE
ASSOCIAR!
HOME TEOSOFIA PALESTRAS LIVRARIA ASTROLOGIA NUMEROLOGIA MAÇONARIA CRISTIANISMO ESOTERICA.FM MEMBROS



A ESOTERICA.FM É PATROCINADA
PELOS ASSOCIADOS DA LEVIR

  • ESOTERICA.FM
  • TEOSOFIA
  • PALESTRAS
  • LIVRARIA
  • ASTROLOGIA
  • NUMEROLOGIA
  • MAÇONARIA
  • CRISTIANISMO
  • TELEMENSAGENS
  • TEXTOS EM INGLÊS
  • MEMBROS
  • INDIQUE-NOS
  • FALE CONOSCO

    LIVROS
    RECOMENDADOS

    CLIQUE PARA ADQUIRIR
    GRAU DO COMPANHEIRO E SEUS MISTÉRIOS




    CLIQUE PARA ADQUIRIR
    NãO Há OUTRO CAMINHO A SEGUIR




    CLIQUE PARA ADQUIRIR
    UM ESTUDO SOBRE A CONSCIêNCIA




    CLIQUE PARA ADQUIRIR
    AOS QUE CHORAM OS MORTOS




    CLIQUE PARA ADQUIRIR
    LUX ESOTERICA - CHAVE DA TEOSOFIA




    CLIQUE PARA ADQUIRIR
    LEIS DO CAMINHO ESPIRITUAL




    CLIQUE PARA ADQUIRIR
    AUTOCULTURA À LUZ DO OCULTISMO




    CLIQUE PARA ADQUIRIR
    VOZ DO SILÊNCIO (A)




    CLIQUE PARA ADQUIRIR
    TEATRO DA MENTE,O




    CLIQUE PARA ADQUIRIR
    O PROCESSO DA AUTOTRANSFORMAÇÃO




    CLIQUE PARA ADQUIRIR
    ÍSIS SEM VÉU - VOL. II




    CLIQUE PARA ADQUIRIR
    A TÉCNICA DA VIDA ESPIRITUAL




    CLIQUE PARA ADQUIRIR
    DO MESTRE SECRETO E SEUS MISTÉRIOS




    CLIQUE PARA ADQUIRIR
    DO MESTRE SECRETO E SEUS MISTÉRIOS




    CLIQUE PARA ADQUIRIR
    O INTERESSE HUMANO




    CLIQUE PARA ADQUIRIR
    O APERFEIÇOAMENTO DO HOMEM




    CLIQUE PARA ADQUIRIR
    SIMBÓLICA MAÇÔNICA (A)




    CLIQUE PARA ADQUIRIR
    ADVAITA BODHA DEEPIKA




    CLIQUE PARA ADQUIRIR
    LUX ESOTERICA - O SISTEMA SOLAR




    CLIQUE PARA ADQUIRIR
    O MILAGRE DO NASCIMENTO




    CLIQUE PARA ADQUIRIR
    LUX ESOTERICA - O SISTEMA SOLAR




    CLIQUE PARA ADQUIRIR
    GRAU DO APRENDIZ E SEUS MISTÉRIOS




    CLIQUE PARA ADQUIRIR
    VISÃO TEOSÓFICA DAS ORIGENS DO HOMEM (A)




    CLIQUE PARA ADQUIRIR
    ENCICLOPÉDIA DE YOGA DA PENSAMENTO




    CLIQUE PARA ADQUIRIR
    FUNDAMENTOS DA FILOSOFIA ESOTÉRICA




    CLIQUE PARA ADQUIRIR
    MEDITAÇÃO - SUA PRÁTICA E RESULTADOS




    CLIQUE PARA ADQUIRIR
    LUX ESOTERICA - OS MESTRES E A SENDA





    VEJA A
    RELAÇÃO
    COMPLETA
    DE LIVROS



    FALE CONOSCO!


    INDIQUE ESTA PÁGINAINDIQUE AQUI
    Indique Esta Página para seus amigos!

  • OLHANDO PARA O FUTURO
    OLHANDO PARA O FUTURO

     por John Paul Rolston

     Em seu artigo “Yours Till Death and After, HPB“, William Q. Judge escreve que em Londres ele certa vez indagou à HPB  uma importante questão: “Qual é a chance de atrair as pessoas à Sociedade [Teosófica] devido à desproporção enorme entre o número de membros e os milhões na Europa e América que nem sabem a seu respeito ou se importam com ela “?

     Nós bem poderíamos fazer a mesma pergunta hoje.  Enquanto nos últimos anos duas biografias principais (por Cranston e Washington) e uma soma de artigos apareceram sobre HPB (em GNOSIS, SMITHSONIAN, WIRED, e recentemente TRICYCLE), quantas pessoas no mundo ouviram falar de H.P. Blavatsky? Desses que ouviram falar dela, quantos têm qualquer profundidade de conhecimento sobre os ensinos que ela promulgou no século passado? Mesmo o Sr.  Judge e seus escritos são em grande parte desconhecidos hoje até mesmo entre a maioria dos teosofistas!  É para se ponderar que o esforço Teosófico falhou, ou ao menos que perdeu vitalidade e relevância atualmente. 

     Mesmo a resposta de HPB à pergunta de Sr.  Judge parece igualmente aplicável agora como então:

     “Quando você considera e se lembra aqueles dias em 1875 e depois, nos quais você não poderia achar qualquer pessoa interessada por seus pensamentos, e agora olha a influência de largo alcance das idéias teosóficas --mesmo que rotuladas-- isso não é tão ruim.  Nós não estamos trabalhando somente para aquelas pessoas que podem se chamar TEÓSOFOS, mas para que as doutrinas que nós apreciamos possam afetar e fomentar o conjunto das mentes deste século.  Isto somente pode ser realizado por um pequeno séqüito de trabalhadores, que laborem sem buscar qualquer recompensa humana, e nenhum reconhecimento terrestre... “

     Enquanto muito poucos na população geral ouviu da querida velha HPB , as idéias que ela empreendeu inculcar começaram a tomar raiz.  Relatórios diários sobre Experiências Próximas à Morte, Experiências Fora de Corpo, uma aceitação crescente de reencarnação e karma, uma mudança no pensamento científico rumo a uma avaliação da inteligência da natureza, e o papel da consciência na evolução--todas estas tendências, e ainda mais, mostram que a “Teosofia“ (sob qualquer designação) fez e continua fazendo para o progresso do mundo. 

     Nós podemos apreciar que aquela “mente racial“ realmente está mudando ante nós.  Em “Another Theosophical Prophecy”, William Q.  Judge escreve: “O Idioma sânscrito vai um dia ser novamente o idioma usado pelos homens nesta terra, primeiro em ciência e em metafísica, e depois na vida comum”.  Isto foi escrito em 1886, quando quase nenhuma pessoa na América tinha ouvido a palavra “karma”.  Hoje dúzias de Palavras em sânscrito entraram no vocabulário público: yoga, chakra, guru, swami, avatar, mantra, Tantra, Veda e Vedanta, pandit, padma, Buddha, bodhisattva, bhakti, shakti, Krishna, kundalini, maya, mandala, sadhana, shanti, prana, nirvana, deva, akasha, Brahmin, yogue, raja, ayurveda, ashram, vipassana, samadhi, ananda, atman, Mahatma, Mahayana, sutra, puja, e uma série de outras palavras e nomes próprios. 

     De muitos modos nós podemos ver que o Movimento Teosófico prosperou.  Mas não estamos no fim do século XIX, e talvez o Movimento e suas necessidades tenham mudado.  É certamente inegável que a Teosofia perdeu o destaque que teve durante a vida de HPB.  Ante a aldeia global do século XXI, poderemos nós melhor servir nossos Instrutores e a sua filosofia?

     Certamente isso é uma pergunta muito pessoal.  Cada indivíduo avalia as próprias forças e é levado ao que parece ser as atividades mais frutíferas.  Mas três coisas têm que constar de nossa atenção. 

     Primeiramente, está claro que o inglês vitoriano de HPB , William Q. Judge e outros Teósofos fundadores não é mais o vernáculo das massas.  Os ensinos Teosóficos carecem muito de redeclarações que sejam novas e efetivas para manter fresca a mensagem.  Isto não implica que nós tenhamos que jogar fora a “literatura central” que formou a base de nossos ensinos.  Ao invés disso, nós precisamos usar esses obras “paradigmáticas” como um alicerce donde extrair apresentações tópicas dos ensinos em linguagem moderna, freqüentemente se referindo à literatura original para orientar os investigadores que buscam ir mais fundo. 

     Segundo, as mídias de comunicação são diferentes daqueles dias de HPB. As conferências públicas do século retrasado proferidas por oradores carismáticos atraíram grandes multidões.  Atualmente televisão, filmes e computadores se tornaram os artistas principais, e os teosofistas mal começaram a tirar proveito destas mídias.  A ULT de Nova Iorque mantém um painel semanal de discussões levada ao ar por algumas TVs locais, e muitos centros Teosóficos começaram a desenvolver páginas Internet, arquivos on-line da literatura clássica Teosófica, e um grupo mantém até mesmo uma classe de estudo on-line ao vivo (Theosophy Lodge On-line).

     Mas os textos clássicos de Teosofia ainda têm que chegar ao CD-ROM, e há ainda muito a desenvolver por uma cadeia mundial de pensadores teosóficos que se comuniquem por e-mail.  Muitos teósofos antigos suspeitam profundamente da tecnologia e o que o desconhecido parece representar, e isto dificulta o pleno uso da Internet e a tecnologia da multimídia. 

     Terceiro, os Teósofos do século passado foram em geral bastante limitados.  Ao contrário do século retrasado, quando HPB e o Col.Olcott estabeleceram ligações com muitos grupos filosóficos e espiritualistas na Índia e em outros lugares, os Teósofos de hoje raramente têm sido expostos a não muito mais que os históricos ensinos de suas respectivas tendências dentro do Movimento (ULT, ST de Pasadena, Point Loma, ST de Adyar, etc.)

     Enquanto o Budismo, Hinduísmo e Islã fizeram um impacto maior em centros culturais do ocidente, e enquanto os acadêmicos denotaram grande interesse no pensamento Oriental, os Teósofos desperdiçaram em grande parte oportunidades para estabelecer laços e achar áreas de concordância com outras tradições.  Os ensinos do Budismo Tibetano, Gnosticismo, da Vedanta, Gurdjieff, Ken Wilber, Marianne Williamson, Satya Sai Baba, para indicar alguns poucos, possuem ensinos em muitas formas semelhantes à Teosofia, mas mesmo assim os Teósofos não abraçaram como um todo estes movimentos nem buscaram aliados entre eles. 

     É certamente verdadeiro que a Teosofia tem uma aproximação diferente de muitos dentre estes movimentos, e às vezes há um elemento inegável de psiquismo ou outras tendências perigosas em novos grupos espirituais do ocidente.  Esta não é razão para não buscar as áreas de concordância e enfatizar os fundamentos de que a Teosofia e estes novos grupos compartilham.  Quase todos eles aceitariam as três proposições fundamentais de nossa DOUTRINA SECRETA, e apenas isso deveria ser bastante para trabalharmos juntos em muitos projetos. 

     Freqüentemente o orgulho, a ignorância, e falta de motivação isolaram os Teósofos, particularmente nessas seções Teosóficas que buscaram preservar os “ensinos centrais” da Teosofia da submersão, ou que fossem postos em risco através de sincretismos.  Mas uma mente aberta aliada ao discernimento mostrarão que a Teosofia pode achar aliados e manter projetos em comum com grupos sem ser tragada por eles. 

     HPB expressou sua esperança em A CHAVE PARA A TEOSOFIA que pelo fim do século XX haveria “uma grande e acessível literatura disponível às mãos dos homens [e] um numeroso e UNIDO corpo de pessoas”.  Nós podemos ser francos de que uma boa parte do que pode ser chamada “literatura Teosófica“ em um sentido mais amplo atualmente não provêm de Teósofos, mas de Instrutores Orientais e movimentos populares que tentam, com ou sem sucesso, absorver e expressar a filosofia perene.  Nós também temos que enfrentar o fato de que os Teósofos não puderam manter um corpo unido por muito tempo depois do desaparecimento de HPB.

     Mas os numerosos centros ativos e saudáveis podem no final das contas produzir melhores resultados do que um único corpo unido --especialmente se esses centros reconhecem um ao outro como colegas de trabalho.  Então é chegado o tempo para que nós Teósofos reconheçamos que budistas, Vedantinos, Sufis, e as tradições da Nova Era, são nossos semelhantes, e que perseguem as mesmas metas que nós buscamos, e são capazes de servir ao plano dos Mestres tão plenamente quanto nós somos. 

     Pela atualização de nossos ensinos em linguagem atual, usando a moderna tecnologia, e estabelecendo acordos com outras tradições perenes, os Teósofos podem continuar o trabalho de HPB até mais efetivamente, e impedir a Teosofia de se tornar uma fonte espiritual de “poucos” para ainda “mais poucos” buscadores.  Usemos todo e qualquer meio que promulgue as IDÉIAS de Teosofia, quer ou não a etiqueta “Teosofia “esteja anexada a esses esforços. 

     THEOSOPHY WORLD, Junho de 1996

     Tradução: Osmar de Carvalho

     
    Osmar de Carvalho
    Coordenador da Loja Teosófica Virtual
    http://www.geocities.com/loja-virtual
    osmar@levir.com.br


    PESQUISAR EM LEVIR.COM.BR

    GLOSSÁRIO
    TEOSÓFICO
    HOME TEOSOFIA PALESTRAS LIVRARIA ASTROLOGIA NUMEROLOGIA MAÇONARIA CRISTIANISMO ESOTERICA.FM MEMBROS
    WWW.LEVIR.COM.BR © 1996-2018 - LOJA ESOTÉRICA VIRTUAL - FALE CONOSCO: levir@levir.com.br - whatsapp: 11-984754717